Ariquemes AGORA
Notícias

Leia as principais notícias de Rondônia

Mulher de 36 anos que perdeu pai e tio em acidente na BR 364, 80 km de Vilhena, volta para Ariquemes

Por Folha do Sul - Postado por Rosa Bettero - SRTE/RO-1194, 07/04/2021 15h33

Aos leitores, ler com atenção!
Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

Sirlene encontrou ainda com vida o pai que faria 61 anos hoje (Foto: Divulgação)
Sirlene encontrou ainda com vida o pai que faria 61 anos hoje - Foto: Divulgação

Já retornou para Ariquemes a mulher de 36 anos, que sobreviveu a um acidente no qual morreram um tio e o pai dela na BR 364. A fatalidade aconteceu na noite de ontem, num trecho da rodovia federal a cerca de 80 km da área urbana de Vilhena CONFIRA> https://www.ariquemesagora.com.br/noticia/2021/04/07/mototaxista-de-ariquemes-e-irmao-morrem-em-acidente-na-br-364-apos-colisao-entre-picape-e-caminhao.html). Sirlene de Souza Carneiro Gomes, que trabalha no setor administrativo de uma madeireira em Ariquemes, viajava com o pai, João Maria Carneiro, que faria 61 anos hoje, e o tio, José Carneiro, 59. Os três haviam saído pela manhã de Ariquemes  e seguiam para a cidade de Figueira, no Paraná. João era agricultor e José, que dirigia a picape acidentada, era mototaxista. Ambos eram muito conhecidos em Ariquemes, onde residiam há vários anos.

Após a colisão, Sirlene retirou o cinto de segurança, que garantiu que ela não voasse para fora do carro, e encontrou o pai ainda com vida, mas ele faleceu pouco depois. O tio motorista teve morte instantânea.

A sobrevivente passou pela casa de uma amiga, após ser atendida, sem ferimentos, e liberada no Hospital Regional, e contou que, antes da colisão, ouviu o pai dizer ao irmão: “cuidado, olha a carreta”.

Os dois homens serão sepultados em Ariquemes, para onde os corpos serão levados ainda hoje.

Fonte: Folha do Sul