Ariquemes AGORA
Notícias

Leia as principais notícias de Rondônia

Trio mata empresário e menor é apreendido

Por Rondoniaovivo, 14/07/2017 17h09

Aos leitores, ler com atenção!
Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

 (Foto: Reprodução)
Foto: Reprodução

Um adolescente de 15 anos foi apreendido no final da noite de quinta-feira (13), acusado de participação no latrocínio de Paulo Henrique Borcat Vieira Freire (35) ocorrido minutos antes em uma chácara na Rua Afonso Brasil, bairro Jardim Santana, zona Leste de Porto Velho. A vítima foi morta com um tiro de escopeta no olho.

De acordo com informações obtidas junto a polícia, Paulo Henrique estava na companhia da esposa e do caseiro, quando três suspeitos chegaram armados. Um dos suspeitos logo efetuou um disparos, que atingiu a face da vítima. Em seguida, o trio fugiu levando um automóvel modelo Gol de Paulo Henrique, além de um notebook e uma mochila. A esposa da vítima ainda seguiu os suspeitos no outro veículo da família, porém, os perdeu de vista. Após um certo período, o Gol foi encontrado em chamas na Rua Humaitá com Avenida Calama, mesma região. A PM recebeu uma denúncia anônima dando conta de que o menor havia chegado ao apartamento de uma tia, localizado no residencial Cidade de Todos e armado estava proferindo ameaças. Os policiais foram para o local e abordaram-o. O notebook e a mochila subtraídos da vítima e da esposa dele foram apreendidos com o suspeito. Questionado, o menor informou ter trocado os objetos por um revólver com um amigo conhecido como Jackson.

Já na Central de Flagrantes, ele confessou que o autor do crime teria sido o comparsa Jackson, que não foi localizado. Paulo Henrique era proprietário de uma empresa de perfuração de poços artesianos e a esposa da vítima afirmou aos policiais que o marido já teve um funcionário com o mesmo nome e que este possui várias passagens pelo sistema prisional. Agentes da Polícia Civil seguem nas investigações em busca de prender os outros envolvidos.

Rosa Bettero

#TreinoafantasiaGT na Academia GT Godoi Training - Ariquemes-RO