Ariquemes AGORA
Notícias

Leia as principais notícias de Rondônia

Roubos em Ariquemes sobem 24% em relação ao ano de 2016

Por Jeferson Carlos Do G1 Ariquemes e Vale do Jamari, 15/02/2017 20h02

Aos leitores, ler com atenção!
Este site acompanha casos policiais. Todos os conduzidos são tratados como suspeitos e é presumida sua inocência até que se prove o contrário. Recomenda-se ao leitor critério ao analisar as reportagens.

Delegado Rodrigo Duarte diz que roubos à transeuntes foi o crime que mais aumentou (Foto: Reprodução Google)
Delegado Rodrigo Duarte diz que roubos à transeuntes foi o crime que mais aumentou - Foto: Reprodução Google

Período comparado é dos primeiros 45 dias do ano de 2016 e 2017.
Segundo delegado regional, roubos a transeuntes alavancaram o índice.

A Polícia Civil divulgou nesta quarta-feira (15) o resultado de uma análise realizada pela Delegacia de Repressão aos Crimes Contra o Patrimônio, que constatou que nos primeiros 45 dias deste ano houve um aumento de 24% nas ocorrências de roubos comparados aos que foram registrados no mesmo período em 2016. Conforme o delegado regional Rodrigo Duarte, a parte expressiva que teria alavancado o aumento do índice foram os roubos a transeuntes praticados na área urbana do município.
“Geralmente esses roubos acontecem com as pessoas que estão trafegando de bicicleta pela rua, distraídas falando ou mexendo no telefone, como também com o celular à mostra no bolso. Se aproveitando desta distração, o assaltante se aproxima da vítima e efetua o roubo e este crime específico favoreceu para o aumento do índice”, explica.
Segundo o delegado, os roubos praticados na área rural do município têm sido praticados por quadrilhas que estão se especializando na prática desses crimes e se aproveitam de diversos fatores.
“Como existe um distanciamento muito grande de uma propriedade rural para a outra, fica bastante difícil a visualização por parte de algum vizinho para pedir socorro. Além disto, por serem locais mais escuros, observamos que a maioria das ocorrências começam no início da noite quando o proprietário está retornando ou concluindo o trabalho no local e todos acabam sendo rendidos”, relata.
A polícia ainda verificou nos últimos dias a incidência de latrocínios nas áreas rurais, como no caso ocorrido em 4 de fevereiro deste ano, quando um jovem de 21 anos foi assassinado após ter tentado fugir durante um roubo em Cacaulândia (RO).
“A volumetria patrimonial subtraída das vítimas nestes crimes com estas características são extremamente grandes, pois eles escolhem bem o local que será invadido para ter tempo suficiente de praticar a ação criminosa. Na área rural, eles levam tudo o que acham na casa e ainda levam os veículos e até a produção colhida na propriedade, o que gera um prejuízo maior”, comenta Rodrigo Duarte.
O delegado informou que a Polícia Civil iniciou um procedimento de caráter investigatório para tentar desvendar algumas quadrilhas envolvidas nos roubos praticados na área rural. Com os trabalhos espera-se que os índices de roubos em propriedades rurais sejam minimizados o quanto antes.

David Fernando

Sábado em Ariquemes - Lanchonetes e CTG Querência Nova... Acompanhe